Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

{Cotovia} e Companhia

Olá Pessoas! Bem-vindas ao blogue da Cotovia onde (m)ando {cotovia}ando! Sigam a cor deste vôo: "Nascemos poetas, só é preciso lembrá-lo. Saber é quase tudo. Sentir é o Mundo." @mafalda.carmona

Olá Pessoas! Bem-vindas ao blogue da Cotovia onde (m)ando {cotovia}ando! Sigam a cor deste vôo: "Nascemos poetas, só é preciso lembrá-lo. Saber é quase tudo. Sentir é o Mundo." @mafalda.carmona

{Cotovia} e Companhia

17
Mai24

Olga


Cotovia@mafalda.carmona

IMG_20240407_162841_922.jpg

 

Código d'Olga Roriz*

{Soneto em verso hendecassílabo)

**

"Antes que eles matem elefantes", danças.
Balanço na matança dos que oprimem,
Conflito humano onde se estabelecem,
Ária improvisada em Maria Callas.

*

Vida em retrospectiva, olhar d'improviso,
Leve e sofrida, em mágica criação,
Forte emoção, sentida em expiação,
De Olga, heroína, a infância encerra em si.

*

Na vontade operária, a livre lágrima,
Sublimação da mundana arte cinética
Mar avassalador, jogo e alma em esgrima.

*

Razão descompassada, em melancolia,
Borboletas nadam no ventre, arritmia,
Excelência absurda, em Mulher poesia.

**

@mafalda.carmona
07.04.2024 | 16h03m


*Inspirado em palavras de Olga Roriz 69 min, apresentado por Mares do Sul, VO, categoria Biografia, Investigação e História, transmissão na RTP3 em 6/Abril, 22h03m.

@olgaroriz
@olgarorizcompanhiadedanca
@rtp_2

#olgaroriz
#olgarorizcompanhiadedanca
#olgarorizdancerandchoreographer
#poesia
#soneto
#codigo
#honra
#bravo
#brave
#dança
#dance

06
Mai24

Frases


Cotovia@mafalda.carmona

1713989257271.jpg

 

Inacabadas

{Poema Livre}

*

Ínfimos batimentos aqui e ali

Dor no meu peito obediente,

Descansam, pequenos, noutras bocas,

Mantêm-me acordada junto à pedra.

 

O moinho e a água, somados,

Palavras e frases nunca mais

Serão ouvidas por portas fechadas,

Pelo prado fresco fogem.

 

Sou feita do inacabado,

Do não dito, tão partido.

E essas letras escondem-se fundas em mim,

Para nunca mais serem vistas.

 

@mafalda.carmona 28.03.24 08:58 hr

 

#poema

#livre

#poesia

#cotovia

#frases

#inacabado 

#letras

28
Abr24

Palavra(s) {Poema Pt+En}


Cotovia@mafalda.carmona

WSP_28042024_141438.png

Olá Pessoas, este domingo trago um poema intitulado "Palavra(s)" onde reflicto sobre essa paixão partilhada por todos, sejamos leitores ou escritores.

Bom domingo, boas leituras e boas escritas, que as palavras vivam nos nossos dias! Viva ❤️!

Palavras(*1)

{Poema Livre}

**

Quantas serão, as mesmas, essas, ou outras?
São sempre as mesmas? O que farão se as juntas?
Diferem agrupadas, tu te perguntas?
Palavras, separadas, sonoras, belas.

*

Afirmação, ou não, perdão, questão, sim!
Em roda, cerca do lume, silenciosas,
Perto do rio, frescas, quentes, ruidosas,
Longe ou mesmo afastadas, falam em mim.

*

Podem combinar outro par nesta dança
Nesse agitar de andança mudar o curso,
Tornar o fundo baço, escuro, turvo,
Fugir da minha vista em desconfiança.

*

Ou luminoso riso de criança
Destino radiante e lindo futuro
Correndo verde abaixo sem qualquer prumo,
Olha como vão cheias de esperança.

**

@mafalda.carmona 27.03.2024 16:20 hr

 

Words
{Free Poem}

**

How many will they be, the same, these, or others?
Always the same? What will they do when combined?
Do they differ when grouped, you ask in your mind?
Words, apart, melodious, fair, as brothers.

*

Affirmation, or not, forgiveness, question, yes!
In circle, around the fire, silent they roam,
By the river, cool, warm, noisy, find their home,
Far or even distant, they speak, I confess.

*

They may blend into another pair's trance,
In this stirring, changing dance, they enhance,
Turning the background dull, dark, at a glance,
Escape my sight, leaving me in a chance.

*

Or the radiant laughter of a child's glance,
Destiny, a bright and lovely romance,
Running green below without any stance,
See how they go, full of hope in advance.

**

@mafalda.carmona 27.03.2024 16:00 hr

(*1)🤍As palavras deste poema "Palavras" foram inspiradas pela leitura do poema "Quietude" da Poetisa @lucimarahrocha
a quem muito agradeço pela generosidade das suas partilhas. Obrigada 🙏

#palavras
#poema
#poemalivre
#poesia
#poetando
#cotovia
#cotoviando

04
Mar24

O Prazer...


Cotovia@mafalda.carmona

IMG_20240304_111222.jpg

 

...da Leitura - Marcel Proust.

{Livros e Leituras}

Da colecção "gabinete de curiosidades" que deduzo venha da tradução de um objecto que me apaixona, este pequeno livro, um "curiosity cabinet" é um lugar reservado a relembrar as nossas preciosidades, em leituras, colecção de memórias com formatos muito diferentes, e começa assim:

"Não há talvez dias da nossa infância que tenhamos tão intensamente vivido como aqueles que julgámos passar sem tê-los vivido, aqueles que passámos com um livro preferido¹. Tudo quanto, ao que parecia, os enchia para os outros, e que afastávamos como um obstáculo vulgar a um prazer divino: a brincadeira para a qual um amigo nos vinha buscar na passagem mais interessante, a abelha ou o raio de sol incomodativos que nos obrigavam a erguer os olhos da página ou a mudar de lugar,(...)"

Em nota ² podemos ler (não a ¹ que é uma outra referência não relevante para o contexto deste meu postal):

"Confesso que um certo emprego do imperfeito do indicativo - desse tempo cruel que nos apresenta a vida como qualquer coisa simultaneamente efémera e passiva, que, no próprio momento em que define as nossas acções, as impregna de ilusão, as dilui no passado sem nos deixar como o perfeito, o consolo da actividade - permaneceu para mim uma fonte inesgotável de misteriosas tristezas."

E aqui chegando, a pergunta que tenho é a seguinte:

É a leitura uma fonte real de prazer, e é esse prazer fonte de inspiração e motivo para se querer, também escrever? Se partirmos do pressuposto de que todos somos inicialmente leitores e só depois surge a vontade, e capacidade, para escrever.

Além deste jogo de palavras em forma de questão, fica a lista de alguns dos meus livros amigos, pois cada um contribui para construir a pessoa que sou. Apesar de não ter nada contra os e-books, quando em papel, cada um me traz o momento em que o encontrei, ou quem o ofereceu, e a época em que o li, memórias preciosas.

Sem ordem especial, assinalados os lidos. Serão para ler e reler, é sempre bom voltar onde fomos felizes, gosto desse risco. Outra pergunta:

E vocês? Quais os vossos riscos preferidos? Risos também, nunca estão a mais.

Finalmente ficam os votos de uma semana muito feliz para todas vós Pessoas, e a lista de alguns dos livros que amo e outros que poderei vir a amar:

Gabriel García Márquez Viver para Contá-la D.Quixote
António Damásio O Sentimento de Si Círculo Leitores ✓
Matthew McConaughey Luz Verde Lua de Papel✓
Rosalie Ham A Modista Presença ✓
Clara Pinto Correia Mais Marés do que Marinheiros Relógio de Água ✓
Hernest Hemingway O Velho e o Mar Livros do Brasil ✓
Alan de Botton Uma Semana no Aeroporto D. Quixote
José da Xã Quatro Desafios de Escrita ✓
Ludgero Nascimento dos Santos A Mulher do Comandante Alfarroba ✓
Francisco Carita Mata De Altamira Fiz um Ramo ✓
Ricardo Araújo Pereira Coisa que nem Edifica nem Destrói Tinta de China
António Lobo Antunes O Esplendor de Portugal D. Quixote
Chitra Banerja Divakareem A Senhora das Especiarias Booket ✓
Miguel Sousa Tavares Rio das Flores Oficina do Livro.

Como não poderia deixar de ser, um terceiro momento para mais uma pergunta:

Numa frase, ou num parágrafo, querem partilhar a descrição de qualquer coisa que amavam fazer quando crianças, e como isso vos fazia sentir?

Beijinhos e Abraços a todas vós Pessoas Lindas (e para as feias como eu... também).

Boa segunda-feira, bom início de semana!

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Quem é esta Cotovia?

Sigam-me Noutros Vôos

{Instagram}

{Cotovia} Instagram Feed

{Facebook}

Ilustração Perfil @mafalda.carmona

Vôos de Outras Aves

Calendário

Julho 2024

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Voar ao calhas

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
Blogs Portugal

{Cotovia} em Colectânea

Sinopse A Coletânea “ERA UMA VEZ…ALENTEJO” é uma obra que inclui poemas, fotografias, ou obras artísticas originais cujo tema e foco principal seja o Alentejo, e está abrangida no projeto europeu “Antologias Digitais”. Tendo a cidade de Évora sido recentemente nomeada Capital Europeia da Cultura 2027, faz todo o sentido homenagear não só a cidade como também toda a beleza circundante e riqueza cultural da região, e observar as maneiras como estas inspiram as pessoas de vários pontos do globo. Autor: Vários Formato: pdf Edição: 08.05.2023 Ilustração capa e contracapa: Ana Rosado; Vítor Pisco Editora Recanto das LetrasBaixar e-book

{Cotovia} em Antologia

Sinopse Aquilo que temos vindo a testemunhar desde 20 de fevereiro de 2022, provoca em nós sentimentos complexos, melhor expressados através da arte. Esta antologia recolhe estes sentimentos, e distribui-os para quem neles se reconforta e revê. Para o povo ucraniano, fica a mensagem de acolhimento, não só em tempos de crise, mas sempre. Porque é difícil expressar a empatia por palavras, mas aqui fica uma tentativa, por 32 autores, nacionais e internacionais. Autor: Instituto Cultural de Évora Formato: pdf Edição: 14.08.2023 Ilustração capa e contracapa: Ana Rosado Editora Recanto das Letras

{Apoio à Vítima}

A APAV tem como missão apoiar as vítimas de crime, suas famílias e amigos, prestando-lhes serviços de qualidade, gratuitos e confidenciais. É uma organização sem fins lucrativos e de voluntariado, que apoia, de forma qualificada e humanizada, vítimas de crimes através da sua Rede Nacional de Gabinetes de Apoio à Vítima e da sua Linha de Apoio à Vítima – 116 006 (dias úteis: 09h – 21h). Aquando de um crime, muitas pessoas, para além da vítima directa, serão afectadas directa ou indirectamente pelo crime, tais como familiares, amigos, colegas. A APAV existe para apoiar. Os serviços da APAV são GRATUITOS e CONFIDENCIAIS.

{Notícias Sobre a Ucrânia}

A UE condena com a maior veemência a agressão militar não provocada e injustificada da Rússia contra a Ucrânia. Trata-se de uma violação flagrante do direito internacional, incluindo a Carta das Nações Unidas. Apelamos à Rússia para que cesse imediata e incondicionalmente todas as hostilidades, retire o seu pessoal militar e equipamento de todo o território da Ucrânia, no pleno respeito pela soberania, independência e integridade territorial da Ucrânia dentro das suas fronteiras internacionalmente reconhecidas. A UE apoia os princípios e objetivos fundamentais da fórmula de paz da Ucrânia enquanto via legítima e credível rumo a uma paz global, justa e duradoura.
Em destaque no SAPO Blogs
pub