Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

{Cotovia} e Companhia

Olá Pessoas! Bem-vindas ao blogue da Cotovia onde (m)ando {cotovia}ando! Sigam a cor deste vôo: "Nascemos poetas, só é preciso lembrá-lo. Saber é quase tudo. Sentir é o Mundo." @mafalda.carmona

Olá Pessoas! Bem-vindas ao blogue da Cotovia onde (m)ando {cotovia}ando! Sigam a cor deste vôo: "Nascemos poetas, só é preciso lembrá-lo. Saber é quase tudo. Sentir é o Mundo." @mafalda.carmona

{Cotovia} e Companhia

02
Out23

Estrambote "Bon Appétit"

{Soneto Hendecassílabo}


Cotovia@mafalda.carmona

IMG_20231001_222524.jpg

"Bon Appétit"

**

{Versão editada}

**

Esta refeição demorada e indigesta,
Repasto canalha em palavra flambé,
Tornada volátil, moída em puré,
Miolo de pão lançado na floresta.

*

Nascente inquinada num prato banal,
É um fruto mal servido e indistinto,
Em vã comoção estrangulada em tinto,
E o Menu suspenso em gaiola amoral.

*

Finalmente em cena o derradeiro acto:
Quando pensaram chegar à salvação,
Em cruz assinaram tão amorfo pacto.

*

Foi preceito arcaico grafado em escarlate
Pequeno dedal de ilusão que é parvo,
Quando chegam à casa de chocolate...

*

Eis que são Hansel e Gretel "à la Carte"

****

Mafalda Carmona 

05.10.23 | hr. 14:18

 

P.S.

A versão acima apresentada foi a inicial, em 5 de outubro fiz uma edição do soneto, graças à ajuda da nossa querida Poetisa Mª João, após na escansão ter detectado algumas inconsistências nos versos, pois 4 deles apresentavam por vezes 10, e outras 12 sílabas poéticas.

Ainda fiz alterações discretas em alguns versos para que a sílaba tónica fosse a quinta sílaba poética, para melhorar a harmonia e coesão do poema no seu geral.

Fica aqui a primeira edição do soneto, datada de dia 02 de Outubro.

Versão inicial:

Esta refeição demorada e indigesta,

O repasto sobre a palavra flambé,

Tornada volátil, deformada em puré,

Miolo de pão lançado na floresta.

*

Nascente inquinada num prato banal,

É fruto mal conservado e indistinto,

Em vã comoção afogado em tinto,

E o Menu suspenso em gaiola amoral.

*

Finalmente em cena o derradeiro acto:

Quando pensaram encontrar a salvação,

Em cruz assinaram tão amorfo pacto.

*

Preceito arcaico escrito em escarlate

Pequeno dedal de ilusão que é parco,

Quando entram na casinha de chocolate...

*

Chegam, são Hansel e Gretel "à la Carte".

****

Mafalda Carmona

02.10.23 | hr. 00:02 

P.S.#2

O estrambote, aprendi graças à ajuda da querida Poetisa Maria João Brito de Sousa (blogue poetaporkedeusker) é um soneto que contém uma excentricidade, pois no seguimento dos dois quartetos e dois tercetos do formato tradicional do soneto, apresenta mais versos formando uma cauda, pelo que o soneto toma o nome de soneto de coda ou estambote, que deriva do catalão para a palavra cauda.

P.S.#3

Mais uma vez, a fotografia que acompanha o poema é da autoria de _carmona.ph_

27
Abr23

Estrambote Astrológico

Poema {@mafalda.carmona}


Cotovia@mafalda.carmona

Screenshot_2023-04-25-18-48-24-581-edit_com.androi

  • No dia 25 de Abril fui festejar no "meu" Alentejo, e, a caminho dos Redondos, na A6, quase a chegar a Évora eis senão quando penso ter uma visão, ou perturbação, quiçá pelo uso das lentes de contacto, ou pelos efeitos de um dia de temperatura elevada, quando me parece ver uma placa com um... Sapo!

Fiquei a pensar naquilo e confirmei que realmente existe, quando do regresso, lá estava eu atenta, e, lá estava também a  placa de sinalização com o...Sapo!

Fiquei a pensar nesta excêntrica placa, e como excentricidade chama excentricidade, lembrei-me de escrever um soneto, também ele excêntrico, chamado, precisamente: "Estrambote Astrológico".

O estrambote, aprendi recentemente, graças à ajuda da querida Poetisa Maria João Brito de Sousa (blog poetaporkedeusker) é um soneto que contém uma excentricidade, pois no seguimento dos dois quartetos e dois tercetos do formato tradicional do soneto, apresenta mais versos formando uma cauda, pelo que o soneto toma o nome de soneto de coda ou estambote, que deriva do catalão para a palavra cauda.

E aqui fica o resultado de mais um exercício poético de formato soneto, desta feita, o:

 

"Estrambote Astrológico" 

 

Neste antigo universo transitório,

De signos, mapas e premonição,

O Carneiro chega charmoso, é o primeiro.

Segue-o o Touro em desmedida emoção,

 

Traz na garupa o Gémeos como irmão,

Carrega o Caranguejo harmonioso.

Do seu lado está o majestoso Leão,

E a etérea Virgem de olhar zeloso.

 

Tal fiel Balança, são visionários, 

Contam com o eficaz Escorpião,

E com a animação do Sagitário.

 

O mote de Capricórnio é acção,

Sobre a ordem e o progresso de Aquário,

São como o Peixes, mestres da criação.

 

Hei, Bloggers, aqui está a grande questão!

Qual será o nome extraordinário,

Do signo destes astros em união?

 

Sapos, batráquios ou outra sugestão?

 

Mafalda Carmona 27/04/2023

*P.S.

Dei conta hoje logo pela manhã de uma notificação do Sapo para uma referência ao blog da Cotovia e Companhia pelo José da Xã.  Fui voando, com o meu habitual afã, até porque sou fã do José da Xã, tudo a rimar sem querer e apenas por bem querer, e, dou com a resposta do desafio lançada pelo José, que propôs propor-lhe um tema, uma palavra ou uma frase, para ser o mote para a escrita de mais um desafio.

Assim surgiu o desafio #29! Passem por lá para espreitar e digam o que acharam!

Já lá fui, mas não vou estragar a surpresa! ;)

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Quem é esta Cotovia?

Sigam-me Noutros Vôos

{Instagram}

{Cotovia} Instagram Feed

{Facebook}

Ilustração Perfil @mafalda.carmona

Vôos de Outras Aves

  • cumplicedotempo

    Num mundo tão cinzento no que se refere a politiqu...

  • cumplicedotempo

    Eu bem digo minha amiga Cotovia, preciso tempo par...

  • Cotovia@mafalda.carmona

    Que bom que gostaste, fiquei muito emocionada com...

  • Ana D.

    Quem dera que os nossos políticos tivessem tamanho...

  • Ana D.

    Muito obrigada pela partilha deste excelente conto...

Calendário

Fevereiro 2024

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
2526272829

Voar ao calhas

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
Blogs Portugal

{Cotovia} em Colectânea

Sinopse A Coletânea “ERA UMA VEZ…ALENTEJO” é uma obra que inclui poemas, fotografias, ou obras artísticas originais cujo tema e foco principal seja o Alentejo, e está abrangida no projeto europeu “Antologias Digitais”. Tendo a cidade de Évora sido recentemente nomeada Capital Europeia da Cultura 2027, faz todo o sentido homenagear não só a cidade como também toda a beleza circundante e riqueza cultural da região, e observar as maneiras como estas inspiram as pessoas de vários pontos do globo. Autor: Vários Formato: pdf Edição: 08.05.2023 Ilustração capa e contracapa: Ana Rosado; Vítor Pisco Editora Recanto das LetrasBaixar e-book

{Cotovia} em Antologia

Sinopse Aquilo que temos vindo a testemunhar desde 20 de fevereiro de 2022, provoca em nós sentimentos complexos, melhor expressados através da arte. Esta antologia recolhe estes sentimentos, e distribui-os para quem neles se reconforta e revê. Para o povo ucraniano, fica a mensagem de acolhimento, não só em tempos de crise, mas sempre. Porque é difícil expressar a empatia por palavras, mas aqui fica uma tentativa, por 32 autores, nacionais e internacionais. Autor: Instituto Cultural de Évora Formato: pdf Edição: 14.08.2023 Ilustração capa e contracapa: Ana Rosado Editora Recanto das Letras

{Apoio à Vítima}

A APAV tem como missão apoiar as vítimas de crime, suas famílias e amigos, prestando-lhes serviços de qualidade, gratuitos e confidenciais. É uma organização sem fins lucrativos e de voluntariado, que apoia, de forma qualificada e humanizada, vítimas de crimes através da sua Rede Nacional de Gabinetes de Apoio à Vítima e da sua Linha de Apoio à Vítima – 116 006 (dias úteis: 09h – 21h). Aquando de um crime, muitas pessoas, para além da vítima directa, serão afectadas directa ou indirectamente pelo crime, tais como familiares, amigos, colegas. A APAV existe para apoiar. Os serviços da APAV são GRATUITOS e CONFIDENCIAIS.

{Notícias Sobre a Ucrânia}

A UE condena com a maior veemência a agressão militar não provocada e injustificada da Rússia contra a Ucrânia. Trata-se de uma violação flagrante do direito internacional, incluindo a Carta das Nações Unidas. Apelamos à Rússia para que cesse imediata e incondicionalmente todas as hostilidades, retire o seu pessoal militar e equipamento de todo o território da Ucrânia, no pleno respeito pela soberania, independência e integridade territorial da Ucrânia dentro das suas fronteiras internacionalmente reconhecidas. A UE apoia os princípios e objetivos fundamentais da fórmula de paz da Ucrânia enquanto via legítima e credível rumo a uma paz global, justa e duradoura.
Em destaque no SAPO Blogs
pub