Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

{Cotovia} e Companhia

Olá Pessoas! Bem-vindas ao blogue da Cotovia onde (m)ando {cotovia}ando! Sigam a cor deste vôo: "Nascemos poetas, só é preciso lembrá-lo. Saber é quase tudo. Sentir é o Mundo." @mafalda.carmona

Olá Pessoas! Bem-vindas ao blogue da Cotovia onde (m)ando {cotovia}ando! Sigam a cor deste vôo: "Nascemos poetas, só é preciso lembrá-lo. Saber é quase tudo. Sentir é o Mundo." @mafalda.carmona

{Cotovia} e Companhia

29
Jan24

Meio Século

Reflexões {Desafio 50 anos - reedição}


Cotovia@mafalda.carmona

FB_IMG_1679875999623.jpg

Em resposta ao desafio de 2019 {50 anos} aqui.

Meio Século

Já vivi meio século nesta sina.
Nasci numa sexta-feira em Alfama,
Fiz (54) 55 anos no Dia de Todos os Santos,
E quando olho para trás, não nego:
Vejo a vida a refletida num espelho luzidio,
De uma história escrita em três partes,
Por uma ordem interna mal definida.
Entre os pontos cardeais norte, sul e oeste,
Giram, e reviram, o corpo, a emoção e a razão.

No calendário perpétuo desta vida,
Os sinos já marcaram a quinta hora.
Pergunto se serei como um gato,
Para ter pelo menos 7 vidas?

Ou mais, muitas mais? Quantas terei?

Será o número final o sete?
Ou será que lhe somo mais uma, a oitava,
Para, como gosto, ter um número par?
Porventura uma nona e chegar aos 100,
E com isso ficar maravilhada!
Mas para já vou contá-las uma a uma:

A primeira dos zero aos 10, uma prisão;
A segunda dos 10 aos 20, educação;
A terceira dos 20 aos 30, maternidade;
A quarta dos 30 aos 40, profissão;
A quinta dos 40 aos 50, liberdade;
E a sexta estou a viver com felicidade...
Não sei o que se segue, mas para já,
Estou muito contente nesta roda.
Bem hajam as Pessoas e a amizade,

Aqui estamos, aqui vamos!
Cá estarei compadres e comadres.

Nesta que é a contínua andança,
Em boa companhia e bom tom.
Sem destoar, com alegria e gratidão,
Somos todos Um nesta comunidade. 
Como amigos vamos caminhando,
Até chegar a hora de em paz ir embora,
Ou do até já que estou chegando.

E assim, quem dera seja para sempre

A possibilidade de dizer presente!

Ser como Matusalém para tudo fazer

Tudo apreciar nesta linda viagem,

Preciosa dádiva que a vida contém!

 

Mafalda Carmona

FB_IMG_1679901097424.jpg

Arbusto Mal-me-quer foto de Mafalda Carmona 

P.S. 

Fotografia do arbusto dos malmequeres e alecrim:

Screenshot_2023-03-28-08-38-59-193-edit_com.miui.g

 

09
Out23

"O Nosso Mundo é Bom'


Cotovia@mafalda.carmona

IMG_20231009_163410.jpg

Pura Bondade

  • Esta segunda-feira aqui na Cotovia e Companhia vai ser a quarta-feira, (e na quarta-feira será uma segunda com a publicação do poema...), isto porque a partilha de hoje é o postal surpresa da semana. Trata-se de fotografias que estão patentes para votação no concurso "Our World is Kind". Entre elas, na categoria ou tag "pure" uma fotografia "nossa" da @_carmona.ph_ ou seja a Raquel Carmona, intitulado "Pure Kindness".

Para acederem à página do Photo Contest 23, podem clicar em qualquer uma das fotos deste postal. Não existem links directos para as fotografias, por isso além de navegarem pela galeria, para encontrar esta foto, podem fazer pesquisa por "Pure".

Screenshot_2023-10-09-16-11-24-242-edit_com.androi

Assim, durante os próximos dois dias as imagens de fotógrafos gentis e talentosos, submetidas para ajudar a inspirar bondade, alegria e cura em todo o mundo, estão disponíveis para serem visualizadas e votadas.

 

Desde 2017, o concurso de fotografia "Our World is Kind" teve a participação de mais de 1.000 fotógrafos em mais de 120 países e as imagens de fotografia com origem em todo o Mundo, tem um único factor comum, e requisito para a sua selecção: serem imagens em movimento que inspiram bondade, amor, gratidão e alegria para quem as visualiza, em todo o mundo, pois se trata de uma exposição on-line.

Agora, mais do que nunca, é importante trabalharmos juntos para espalhar bondade, gentileza e conexão nas nossas vidas, famílias, comunidades, países e no Mundo, para que as mini Pessoas que vieram a este mundo possam ter um futuro melhor, mais bondoso e harmonioso.

Espero que gostem das fotografias desta exposição de bondade, que é também poesia visual.

A todas vós desejo uma boa semana, Pessoas!

01
Jun23

Crianças do Mar

Editado


Cotovia@mafalda.carmona

IMG_20230601_071730.jpg

(*) Crianças do Mar 

**

Nas ondas pequeninas do vasto mar,

Mora a tranquila doçura da saudade,

Onde se aninha a minha ingenuidade,

Nesta mesma areia, neste mesmo ar.

*

Correm na calçada da Vila Cidade,

Para rápidas, na água mergulhar,

Com braçadeiras coloridas, nadar,

E os pezinhos, só conhecem liberdade.

*

No fim da tarde as sombras fazem dançar,

Em mergulhos, piruetas de encantar,

Nos baldes, sonhos mil irão transportar.

*

Na noite, p'los pirilampos embaladas,

Seus sorrisos são galáxias douradas,

Luar e estrelas, nas faces bronzeadas.

****

Mafalda Carmona

(Soneto em verso hendecassílabo)

01.06.23 00.20h (editado 11.30h)

IMG_20230601_072014.jpg

(*) Olá Pessoas, hoje partilho estas fotografias e o poema em formato de soneto como referência ao dia de hoje, Dia da Criança onde podemos celebrar a criança que fomos e somos. Na primeira fotografia está um dos meus netos na praia, e esta menina sorridente sou eu quando tinha cerca de 4 para 5 anos, sendo que agora já sou avó, a fotografia final é do avô, nada mais justo, quando também era pequeno e andava lá pelas paisagens das terras do Alentejo.

Um feliz dia para todas vós, Pessoas!

IMG_20230601_072231.jpg

 

30
Mar23

O Sr. Peixe

(Republicação, original 2018)


Cotovia@mafalda.carmona

Conhecer o Sr. Peixe é conhecer a resposta à pergunta: São os peixes felizes?
 
  • Se bem que a Cotovia tenha conhecido um verdadeiro Sr. Peixe, senhor muito querido e tranquilo, hoje esta publicação é para falar dos outros peixes: sobretudo.... das escamas do salmão (um assunto espantoso na minha opinião!) e do Peixes do signo astrológico! 

Salmo salar.jpg

Primeiro, fiquem a saber que em Portugal o salmão Atlântico está em extinção, portanto acredito que a felicidade dos peixes esteja em perigo, pelo menos no caso deste salmão. Assim, parte da resposta está dada: muito dificilmente os peixes são felizes.
 
Mas (há sempre um mas... ou um se...), podiam sê-lo, pois possuem, no sentido literal de que são proprietários, não só do mar como de fantásticas características que potenciam alcançar a felicidade: são ativos, viajam imenso, estão conectados com os outros peixes e comunidades de peixes, continuam a aprender ao longo da vida, a registarem o que fazem (aqui entra a parte da escama do salmão), e apreciam o momento, o que, segundo a publicação The Simple Things ( www.thesimplethings.com/blog ) edição de Março, dedicada à Felicidade, são os principais fatores de felicidade.
 
A memória de vida do salmão está nas escamas, em cada uma delas.
Pode saber-se pelas escamas outras informações da identidade do Sr. Salmão: o número de anos que o seu detentor passou no mar, o número de vezes que se reproduziu, do que se alimentou e se é um salmão selvagem ou de aquacultura, esta é a parte espantosa! Mesmo!
 
E como isto é possível?

post3a.JPG

O registo das memórias no ser humano deve de obedecer a um processo semelhante.
 
Portanto existe um núcleo rígido de formação precoce ao qual se vão adicionando camadas.
 
E, se não temos muita coisa a dizer sobre as primeiras "capas" ou "layers" deste processo, em relação às que podemos adicionar ao longo dos anos, temos opção de escolha! (-este parágrafo, obviamente e até indicação contrária, não tem confirmação científica, apenas um raciocínio meu por paralelismo-).
 
Por isso é determinante que as nossas escolhas sejam ponderadas e refletidas.
 
Darwin percebeu que "a natureza escolhe pela sobrevivência, o ser humano pela aparência".
 
Fixei esta citação quando vi o filme "A Criação" ( https://youtu.be/ZcRP822h22A ), mas podemos dizer mais ou menos o mesmo de muitas maneiras diferentes.

post3b.JPG

Aceitar que uns sentem culpa e outros não, é fundamental para impedir que pessoas manipuladoras tomem conta da nossa vida. Assim, quando alguém tenta convencer-me, através da culpa, em vez de argumentar com lógica; quando a aparência começa a descolar-se da essência...
 
Escolho darwinianamente pela sobrevivência!
 
Por isso o Peixes (signo astrológico) é um sobrevivente!
 
Tal como descrito para o Sr. Salmão, todos os peixinhos sabem bem nadar, isto é, viver, ou procurar viver, tranquilamente nas suas bolhas cor-de-rosa à semelhança do personagem de animação. Como ele, são extremamente atentos a tudo o que se passa à sua volta, e não perdem o rumo com facilidade mantendo-se fieis aos compromissos que assumem, quer pelo enorme sentido de missão para com os outros que têm, quer pelo seu bom carácter e são por isso excelentes pais, mães, irmãos e amigos, cuidando mais dos outros do que deles mesmos. São tremendamente generosos além de bons amigos e muito ponderados, às vezes até em excesso, o que pode dificultar as decisões, sobretudo se forem tomadas fora de um grupo.
 
Portanto, para o idealista Peixes o confronto com a realidade, sobretudo o lado mais feio do mundo pode ser catastrófico, por isso é importante cuidar das suas poderosas "capas", como a intuição, excelente memória e sensibilidade, para desenvolver, a par do amor pelo outro, o amor-próprio para se defender dos oportunistas, evitar decepcionar-se com o mundo e os outros, e escolher pela sobrevivência. Sempre!
 
Para o nativo de Peixes, é possível existir um Mundo melhor, se todos fizerem a sua parte.
 
Concordo!
 
Boa sorte a todos os queridos Peixinhos!
 
P.S.
 
Este blog foi iniciado sob a influência do signo de Peixes, que abrange as datas entre 20 de Fevereiro e 20 de Março, marca o final do Inverno e a chegada do signo de Carneiro a 21 de Março que marca o início da Primavera.
 
P.S.#2
Palavras que ainda não consegui escrever com A.O. : decepcionar-se.
Palavras que geraram dúvida: conectado, decepção, factores.

 

 

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Quem é esta Cotovia?

Sigam-me Noutros Vôos

{Instagram}

{Cotovia} Instagram Feed

{Facebook}

Ilustração Perfil @mafalda.carmona

Vôos de Outras Aves

Calendário

Julho 2024

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Voar ao calhas

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
Blogs Portugal

{Cotovia} em Colectânea

Sinopse A Coletânea “ERA UMA VEZ…ALENTEJO” é uma obra que inclui poemas, fotografias, ou obras artísticas originais cujo tema e foco principal seja o Alentejo, e está abrangida no projeto europeu “Antologias Digitais”. Tendo a cidade de Évora sido recentemente nomeada Capital Europeia da Cultura 2027, faz todo o sentido homenagear não só a cidade como também toda a beleza circundante e riqueza cultural da região, e observar as maneiras como estas inspiram as pessoas de vários pontos do globo. Autor: Vários Formato: pdf Edição: 08.05.2023 Ilustração capa e contracapa: Ana Rosado; Vítor Pisco Editora Recanto das LetrasBaixar e-book

{Cotovia} em Antologia

Sinopse Aquilo que temos vindo a testemunhar desde 20 de fevereiro de 2022, provoca em nós sentimentos complexos, melhor expressados através da arte. Esta antologia recolhe estes sentimentos, e distribui-os para quem neles se reconforta e revê. Para o povo ucraniano, fica a mensagem de acolhimento, não só em tempos de crise, mas sempre. Porque é difícil expressar a empatia por palavras, mas aqui fica uma tentativa, por 32 autores, nacionais e internacionais. Autor: Instituto Cultural de Évora Formato: pdf Edição: 14.08.2023 Ilustração capa e contracapa: Ana Rosado Editora Recanto das Letras

{Apoio à Vítima}

A APAV tem como missão apoiar as vítimas de crime, suas famílias e amigos, prestando-lhes serviços de qualidade, gratuitos e confidenciais. É uma organização sem fins lucrativos e de voluntariado, que apoia, de forma qualificada e humanizada, vítimas de crimes através da sua Rede Nacional de Gabinetes de Apoio à Vítima e da sua Linha de Apoio à Vítima – 116 006 (dias úteis: 09h – 21h). Aquando de um crime, muitas pessoas, para além da vítima directa, serão afectadas directa ou indirectamente pelo crime, tais como familiares, amigos, colegas. A APAV existe para apoiar. Os serviços da APAV são GRATUITOS e CONFIDENCIAIS.

{Notícias Sobre a Ucrânia}

A UE condena com a maior veemência a agressão militar não provocada e injustificada da Rússia contra a Ucrânia. Trata-se de uma violação flagrante do direito internacional, incluindo a Carta das Nações Unidas. Apelamos à Rússia para que cesse imediata e incondicionalmente todas as hostilidades, retire o seu pessoal militar e equipamento de todo o território da Ucrânia, no pleno respeito pela soberania, independência e integridade territorial da Ucrânia dentro das suas fronteiras internacionalmente reconhecidas. A UE apoia os princípios e objetivos fundamentais da fórmula de paz da Ucrânia enquanto via legítima e credível rumo a uma paz global, justa e duradoura.
Em destaque no SAPO Blogs
pub